benefícios da pipoca

Benefícios da pipoca

Está procurando por um aperitivo saudável e de baixo valor calórico? Confira os benefícios da pipoca de milho para a sua dieta!

  1. Quais são os benefícios da pipoca?
  2. Benefícios da pipoca na dieta
  3. Benefícios da pipoca para emagrecer
  4. Diabético pode comer pipoca?
  5. Benefícios da pipoca antes de dormir
  6. Benefícios da pipoca na musculação
  7. Benefícios da pipoca na gravidez
  8. Qual a maneira mais saudável de preparar a pipoca?
  9. Receita de pipoca doce

Quais são os benefícios da pipoca?

Antes de entender os benefícios da pipoca, vamos conhecer mais sobre o grão que é utilizado durante o preparo.

O milho é um grão energético que apresenta diversos nutrientes importantes para o nosso organismo, como proteínas, minerais (como cálcio, cobre, ferro, fósforo, sódio e zinco), carboidratos (amido), polifenóis, lipídios, vitaminas (B1, B2 e E) e fibras.

Por meio dele, é produzida a pipoca, que é um cereal integral natural recomendado para ser inserido em uma dieta equilibrada e saudável, que ajuda no controle do peso corporal e na redução dos riscos de doenças crônicas, como cardiovasculares e diabetes.

Segundo a nutricionista Heloisa de Camargo do Centro de Diabetes Curitiba, uma porção de pipoca de 100 g pode suprir 13% da necessidade ideal de ingestão diária de polifenóis, além de ser proporcional a mais de 70% do consumo diário de grãos integrais.

Conheça alguns benefícios da pipoca para a saúde.

  • Ajuda com a ação oxidante.
  • Aumenta a sensação de saciedade.
  • Auxilia no funcionamento do intestino.
  • Retarda o processo de envelhecimento.
  • Diminui o risco de desenvolvimento de alguns tumores.
  • Controla os índices de colesterol, triglicerídeos e glicemia.
  • Protege as células do organismo dos danos dos radicais livres.
  • Cuida da saúde dos olhos, com prevenção de catarata e degeneração macular.

Benefícios da pipoca na dieta

A pipoca é uma ótima opção para ser inserida na sua dieta, desde que controlada a sua quantidade e o preparo seja realizado da maneira correta.

Para ter uma ideia, uma xícara de pipoca pode ser equivalente a uma fatia de pão de forma ou a meio pão francês. Por isso, uma dica é pesar os grãos em uma balança antes do preparo.

E quais são os valores nutricionais e as calorias da pipoca?

Em média, uma xícara de 8 g de pipoca estourada, sem óleo e sal, possui: 31 kcal, 6,2 g de carboidratos, 1,2 g de fibras, 1 g de proteína, 0,3 g de óleo, 24 mg de potássio, 24 mg fósforo, 2 mg de niacina, 1 mg de cálcio, 0,8 mg de zinco, 0,3 mg de riboflavina, 0,3 mg de sódio, 0,2 mg de ferro, 0,2 mg de tiamina, 0 mg de colesterol e 15 UI de vitamina A.

Benefícios da pipoca para emagrecer

Como vimos, a pipoca possui baixo valor calórico e pode ajudar no bom funcionamento intestinal, além de garantir o aumento da sensação de saciedade, o que é benéfico para quem procura emagrecer.

Mas será que, com a grande quantidade de carboidrato, a pipoca engorda? Depende! Isso porque o que determina a quantidade calórica do alimento é o modo de preparo e os acompanhamentos utilizados, como bacon ou qualquer outro produto gorduroso.

Diabético pode comer pipoca?

O consumo de pipoca para pessoas diabéticas é seguro, desde que seja controlada a glicemia e mantenha-se uma contagem de carboidrato diário, com o acompanhamento de um(a) especialista da área da saúde.

Benefícios da pipoca antes de dormir

Ao comer pipoca, você absorve diversos nutrientes, sendo um deles o aminoácido triptofano, que, de acordo com estudos, pode auxiliar no tratamento de distúrbios relacionados ao sono, como a insônia e a apnéia.

Os efeitos terapêuticos surgem por meio de melatonina e serotonina, que são hormônios produzidos no cérebro e ajudam a regular o sono e os ritmos circadianos. Ou seja, é essencial para manter o bom funcionamento da mente e do corpo.

Benefícios da pipoca na musculação

Por ser uma fonte de fibras, carotenóides e substâncias oxidantes, os benefícios da pipoca na musculação vão desde o aumento da saciedade até a reposição do glicogênio muscular.

O seu carboidrato complexo ou o baixo índice glicêmico, em média de 55 para cada 20 g de milho, fornece energia ao corpo e pode ser um lanche aliado.

Segundo o nutricionista esportivo Guilherme Villaboim, a quantidade pode variar de acordo com a sua rotina de treinos, mas em geral pode-se consumir uma hora após o treino.

A grande quantidade de L-arginina também é essencial para praticantes de atividades físicas, pois promove a vasodilatação e, consequentemente, a manutenção e regulação da temperatura corporal.

Uma receita deliciosa para quem busca ganhar massa muscular é acrescentar uma colher (sopa) de pasta de amendoim integral Growth na sua pipoca.

Benefícios da pipoca na gravidez

Durante a gravidez, é preciso reforçar a dieta com alimentos saudáveis e diversos, que ofereçam todos os nutrientes necessários para o organismo da mulher e do bebê.

De acordo com a ginecologista Dra. Denise Vasconcelos e as dicas do Cantinho Infantil da Mamãe, o consumo da pipoca durante a gravidez é seguro e deve ser realizado sem exageros – principalmente, moderar a quantidade de acompanhamentos, como o sal.

Os benefícios da pipoca na gravidez estão presentes nas fibras que ajudam na digestão e prevenção da constipação, no selênio que impede as complicações de um parto prematuro, nas proteínas e na vitamina E, que ajudam no crescimento saudável do bebê, entre outros.

Qual a maneira mais saudável de preparar a pipoca?

Hoje em dia, já é possível estourar o milho em pipoqueiras, que são máquinas de ar quente que não utilizam óleo e deixam o alimento sequinho. Mas, independentemente da forma como você faz a sua pipoca, o mais importante é verificar se os grãos estão bem cozidos e pouco calóricos.

Uma dica valiosa é evitar alguns acompanhamentos, como temperos prontos e queijos gordurosos, além de dar preferência ao preparo com óleo, ao invés de margarina e manteiga, que podem aumentar os níveis de colesterol.

As pipocas industrializadas de micro-ondas também não são recomendadas por possuir outros ingredientes com excesso de sódio na composição, o que aumenta os riscos de hipertensão arterial, sobrecarga renal e retenção de líquido.

Para o micro-ondas, você pode utilizar duas técnicas práticas e saudáveis. A primeira é do saco de pão francês. É só colocar os grãos no pacote de papel, retirar o ar e fazer duas dobras para fechar. Nesta opção, utilize o sal refinado para melhor aderência.

Na segunda, basta colocar de 20 g a 30 g de milho em um recipiente de vidro com uma colher de água, cobrir com o papel-filme e fazer dois furos para sair o ar. Em seguida, leve ao micro-ondas na opção “pipoca”.

Se preferir um aperitivo doce, confira a receita a seguir de pipoca doce!

Receita de pipoca doce

INGREDIENTES

1/2 xícara (chá) de milho de pipoca
3 colheres (sopa) de óleo
1/2 colher (sopa) de manteiga Ghee
3 colheres de sopa de açúcar
Suco de laranja com três unidades da fruta

INSTRUÇÕES DE PREPARO

Em uma panela, aqueça bem o óleo, despeje o milho e tampe, até estourar todos os grãos. Fique de olho para não queimar!
Para a calda, coloque o suco de laranja com o açúcar e, em seguida, acrescente a manteiga, até ferver.
Quando a calda estiver firme, desligue o fogo e despeje sobre a pipoca.

Gostou de conhecer os benefícios da pipoca? Aproveite também para conferir as dicas de treinos em nosso app da Growth.

REFERÊNCIAS
BARBOSA, Natália Alves; LOPES, R. C.; PAES, MCD. Compostos bioativos nos grãos de milho pipoca antes e após o processamento. In: Embrapa Milho e Sorgo-Artigo em anais de congresso (ALICE). In: CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO, 31., 2016, Bento Gonçalves. Milho e sorgo: inovações, mercados e segurança alimentar: anais. Sete Lagoas: Associação Brasileira de Milho e Sorgo, 2016., 2016. Acesso em: 9 abr. 2021.

CONSUMA pipoca durante a gravidez. Dra. Denise Vasconcelos, 27 out. 2016. Acesso em: 9 abr. 2021.
CONTE, Juliana. Comer canjica faz aumentar a produção de leite materno?. Drauzio Varella, [S. d.]. Acesso em: 9 abr. 2021.

DA SILVA LIMA, Leonardo; DA SILVA, Carla Pequeno. Triptofano no Sono: Uma Revisão Sistemática baseada no Método PRISMA. ID on line REVISTA DE PSICOLOGIA, v. 12, n. 42, p. 397-407, 2018. Acesso em: 9 abr. 2021.

HERMANN, Heloisa de Camargo. Os benefícios da pipoca. Centro de Diabetes Curitiba, 8 ago. 2013. Acesso em: 9 abr. 2021.

MILHO. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2011- . 2011. Acesso em: 9 abr. 2021.

NEVES, Bia. Gravida pode comer pipoca na gravidez? Benefícios e riscos. Cantinho Infantil da Mamãe, [S. d.]. Acesso em: 9 abr. 2021.

PIPOCA na dieta. Guilherme Villaboim, [S. d.]. Acesso em: 9 abr. 2021.

VALÉRIO, Moreno. De dieta? Veja os carboidratos que não devem ser tirados do prato. Tribuna, 20 ago. 2020. Disponível em: De dieta? Veja os carboidratos que não devem ser tirados do prato. Acesso em: 9 abr. 2021.