Gordura subcutânea: o que é, como eliminar e riscos à saúde

Diogo Círico 14/03/2024

A gordura subcutânea, uma reserva natural de energia presente no tecido adiposo abaixo da pele, desempenha funções vitais, desde o isolamento térmico até a proteção dos órgãos. No entanto, quando excessiva, pode acarretar uma série de riscos à saúde.

Neste artigo, exploraremos em detalhes o que é a gordura subcutânea, as causas do seu acúmulo, as diferenças em relação à gordura visceral, os riscos associados e as estratégias para eliminá-la de maneira saudável.

Confira o conteúdo abaixo e entenda mais sobre esse componente do nosso corpo!

Sumário

O que é gordura subcutânea?

A gordura subcutânea é uma camada de tecido adiposo encontrada logo abaixo da pele. Ela funciona como uma reserva de energia e desempenha um papel vital no isolamento térmico do corpo. Contudo, quando ocorre um acúmulo excessivo desse tipo de gordura, podem surgir diversos problemas de saúde, como doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2.

Além de atuar como isolante térmico, essa gordura protege o corpo contra variações de temperatura e funciona como um amortecedor, absorvendo impactos e protegendo órgãos vitais.

Ainda, a gordura subcutânea desempenha um papel essencial na produção de hormônios e na regulação metabólica. Suas funções multifacetadas destacam a importância de manter um equilíbrio adequado, reconhecendo-a como parte integral do funcionamento saudável do organismo.

O que causa o acúmulo de gordura subcutânea?

Diversos fatores contribuem para o acúmulo de gordura subcutânea. Uma dieta desequilibrada, rica em calorias provenientes de alimentos processados, açúcares adicionados e gorduras saturadas, pode contribuir para esse aumento. Isso normalmente ocorre quando a ingestão calórica excede a capacidade de queima de energia do corpo.

A falta de atividade física também desempenha um papel significativo, por desacelerar o metabolismo e dificultar a queima de calorias extras. Além disso, a predisposição genética e os desequilíbrios hormonais são fatores a serem considerados.

Sabia que o estresse crônico e a falta de sono adequado também estão associados ao aumento da reserva de gordura? Por isso, reconhecer e abordar esses fatores é essencial para combater o acúmulo excessivo de gordura subcutânea e promover uma saúde ideal e equilibrada.

Quais são as diferenças entre gordura subcutânea e gordura visceral?

É importante saber distinguir entre gordura subcutânea e visceral para implementar estratégias específicas de perda de peso. A gordura subcutânea reside logo abaixo da pele, enquanto a gordura visceral envolve os órgãos internos. Ambas estão associadas a riscos à saúde, mas a gordura visceral pode ser mais prejudicial.

Esse tipo de gordura está relacionado a problemas como resistência à insulina, diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares. Portanto, embora a gordura subcutânea tenha um papel protetor e isolante, seu excesso, com a gordura visceral, pode prejudicar a saúde.

Quais são os riscos à saúde relacionados à gordura subcutânea?

O acúmulo excessivo de gordura subcutânea está associado a vários riscos à saúde. A resistência à insulina pode levar à diabetes tipo 2. Além disso, essa gordura em excesso pode levar ao aumento dos níveis de colesterol LDL (colesterol ruim) e triglicerídeos, bem como à diminuição do colesterol HDL (colesterol bom), aumentando, assim, a probabilidade de doenças cardiovasculares.

Compreender esses riscos é fundamental para adotar medidas preventivas e promover um estilo de vida saudável. Adotar uma dieta equilibrada, praticar atividades físicas regularmente e manter um peso saudável são passos importantes para reduzir possíveis problemas e melhorar a saúde geral.

Em quais locais a gordura subcutânea se acumula mais?

A distribuição da gordura subcutânea varia de pessoa para pessoa, mas existem áreas comuns de acúmulo. Abdômen, coxas e braços são locais onde a gordura tende a se concentrar mais. Além disso, essa distribuição pode ser influenciada por fatores genéticos e hormonais.

Compreender os padrões de acúmulo ajuda na escolha de estratégias específicas de exercício e alimentação. É por esse motivo que a prática de exercícios direcionados para essas áreas pode contribuir para a redução eficaz da gordura subcutânea localizada.

Como eliminar a gordura subcutânea de maneira saudável?

Eliminar a gordura subcutânea de maneira saudável envolve uma abordagem holística que inclui alimentação equilibrada, atividade física regular e hábitos de vida saudáveis. Veja algumas dicas práticas a seguir!

Adote uma alimentação saudável

Uma alimentação equilibrada desempenha um papel crucial na redução do excesso de gordura subcutânea. Consumir uma boa variedade de alimentos, incluindo frutas, vegetais, proteínas magras e grãos integrais, é essencial.

Também é importante consumir carboidratos de boa qualidade, proteínas de alto valor biológico, ingerir gorduras saudáveis, além da inclusão de suplementos alimentares que auxiliam no ganho de massa magra.

Inclua a prática de exercícios físicos na sua rotina

Incorporar uma variedade de atividades físicas, incluindo exercícios aeróbicos (como caminhada, corrida e natação) e treinamento de força (como musculação), pode ajudar a queimar calorias e aumentar o metabolismo, facilitando a perda de gordura subcutânea.

Além de exercícios aeróbicos, inclua também exercícios direcionados para as áreas onde há maior acúmulo de gordura subcutânea. É muito comum o desejo de perder gordura abdominal, por exemplo, sendo importante incluir exercícios como abdominais, agachamentos e flexões que podem ajudar a tonificar os músculos e reduzir a gordura localizada.

A prática de exercício físico também te ajudará a diminuir percentual de gordura total e se sentir mais confortável com seu corpo e saúde.

Controle o estresse e mantenha um sono adequado

O estresse crônico pode levar ao aumento da produção de cortisol, um hormônio relacionado ao acúmulo de gordura abdominal. Praticar técnicas de relaxamento, como meditação e ioga, e garantir uma boa qualidade de sono é fundamental para controlar esse problema e promover a perda de gordura.

Garanta uma boa hidratação

Beber água de maneira suficiente ao longo do dia é essencial para manter o metabolismo funcionando corretamente e auxiliar na eliminação de toxinas do organismo.

Tenha paciência e constância

Uma dica final: evite dietas extremamente restritivas ou programas de exercícios intensos que prometem resultados rápidos. Em vez disso, opte por mudanças sustentáveis no estilo de vida que possam ser mantidas em longo prazo. A consistência é fundamental para alcançar e manter resultados duradouros.

Agora que você entendeu o que é gordura subcutânea, ficou claro que é preciso ter atenção para evitar o acúmulo e os problemas associados a ele, não é? Então, leia também este conteúdo e conheça exercícios que auxiliam no emagrecimento!

Referências:

CLINICA WA. Gordura visceral e gordura subcutânea: quais as diferenças? Disponível em: https://clinicawa.com.br/gordura-visceral-e-gordura-subcutanea-quais-as-diferencas/#:~:text=No%20caso%20da%20gordura%20subcut%C3%A2nea,a%20forma%20t%C3%ADpica%20de%20pera. Acesso em: 06 fev. 2024.

VITAT. Gordura subcutânea. Disponível em: https://vitat.com.br/gordura-subcutanea/. Acesso em: 06 fev. 2024.

HOSPITAL DO CORAÇÃO (HCOR). Conheça riscos cardíacos causados pelo excesso de gordura abdominal. Disponível em: https://www.hcor.com.br/imprensa/noticias/conheca-riscos-cardiacos-causados-pelo-excesso-de-gordura-abdominal/#:~:text=%E2%80%9CA%20concentra%C3%A7%C3%A3o%20de%20gordura%20no,derrames%E2%80%9D%2C%20alerta%20o%20cardiologista. Acesso em: 05 fev. 2024.

Visitado 10.637 vezes, 33 visita(s) hoje.
Diogo Círico

Diogo Círico

Nutricionista

Graduado em nutrição em 2007 pela Faculdade Assis Gurgacz, pós-graduação em Nutrição e Atividade Física - 2012, pós-graduação em Nutrição Funcional Esportiva - 2017, desde o inicio buscou destinar suas atividades à nutrição esportiva e também a área de tecnologia de alimentos. À frente das ações técnicas da industria Growth Supplements desde sua criação, já somam-se mais de 10 anos de dedicação, trabalho e pesquisas laboratoriais no desenvolvimento de novos produtos. Hoje suas ações como nutricionista dividem-se entre assessoraria de alguns atletas patrocinados pela Growth Supplements, redação de material técnico cientifico como estes disponíveis no blog GSuplementos e também na liderança da equipe de técnica Growth Supplements . Diogo Cirico; Nutricionista esportivo CRN 10 - 2067