O que é creatina?

O que é Glutamina?

Glutamina é considerada o aminoácido mais abundante do nosso corpo, produzida de forma natural pelo nosso organismo, na maioria dos casos a produção endógena é capaz de atender as necessidades do individuo, porém em situações de estresse físico (como nos treinos intensos) a produção endógena não é capaz de atender a necessidade. Por este motivo Glutamina considerada um aminoácido condicionalmente essencial.

Lista de aminoácidos não essenciais: Ácido aspártico, Ácido Glutâmico, Alanina, Arginina, Asparagina, Cisteína, Glicina, Glutamina, Prolina, Serina e Tirosina.

Lista de aminoácidos essenciais: Fenilalanina, Histidina, Isoleucina, Lisina, Leucina, Metionina, Treonina, Triptofano, Valina

Nos casos onde há rotina de atividade física intensa a produção do organismo não atende a demanda e por isso a suplementação com glutamina se faz necessária. Por este motivo Glutamina está na lista dos suplementos mais consumidos, junto com os já famosos Whey Protein, Creatina, BCAA, Albumina e outros.

Importancia Glutamina para quem treina:

Para quem treina de forma intensa, a Glutamina se torna um suplemento de extrema importância. Essa necessidade ocorre devido ao estresse que é gerado nos músculos pela atividade física, podendo abaixar a imunidade do nosso organismo.

A Glutamina neste caso também entra como um excelente suplemento para recuperação pós-treino, melhorando sua recuperação consequentemente melhora seu nível de treino, uma vez que você poderá no dia seguinte manter um alto nível de treino sem estar com os músculos extremamente fadigados. Ainda poderá ajudar a evitar o catabolismo, benefícios para você alcançar resultados ainda mais satisfatórios com os seus treinos!

Baixos níveis de Glutamina:

Baixos níveis de Glutamina podem resultar em baixa imunidade, catabolismo muscular e até mesmo (OTS: Síndrome de Overtraining). O Overtraining pode ocorrer devido a diversos fatores, dentre eles habito alimentar não adequado às necessidades para o estilo de treino, assim como falta de descanso suficiente para recuperação. A suplementação com Glutamina nesses casos pode ajudar a evitar o Overtraining melhorando a recuperação dos tecidos musculares e dos sistemas orgânicos de uma forma geral

Quais as dosagens ideias de Glutamina?

A sugestão da quantidade ideal fica em 0,1 à 0,2g por kg por kg (por kg livre de gordura: deve ser considerado apenas a massa magra). Neste caso, se você possuir 70 kgs de peso magro, a sugestão de consumo irá ficar entre: 7 gramas à 14 gramas.

Você poderá realizar o cálculo da quantidade a ser consumida através de uma avaliação antropométrica onde se diagnostica a quantidade de massa muscular, multiplicando o seu peso magro pela quantidade 0,1g ou 0,2g de Glutamina. Quanto maior for a intensidade do treino, maior deverá ser o consumo de Glutamina.

Em quais horários a Glutamina deve ser consumida?

O consumo de Glutamina é indicado especialmente no pós-treino, quando sua quantidade no organismo encontra-se baixa. O consumo de Glutamina no pós-treino trás as potenciais vantagens de estimular a recuperação muscular, evitar a queda da imunidade e evitar o catabolismo muscular.

Como tomar a glutamina corretamente?

O Consumo de Glutamina ainda pode ser realizado junto a outros suplementos, a fim de aumentar ainda mais a sinergia entre os Suplementos. A combinação de glutamina com Whey Protein é bem indicada pois assim é fortalecida as ligações peptídicas fazendo com que a glutamina seja levada até o sitio de absorção ideal no trato gastro intestinal.

Em um copo com 200ml de água, misture a quantidade de Glutamina indicada para o seu peso (Peso magro x 0,1g ou 0,2g).

A Glutamina pode ser consumida no Pós-treino junto com Whey Protein, Carboidrato de alto índice glicêmico (Malto, Dextrose), BCAA e Creatina.

Glutamina engorda?

Glutamina possui uma quantidade extremamente baixa de calorias, não podendo ser creditado à este aminoácido isolado efeito de ganho de peso por calorias na Dieta.

(Glutamina não engorda!!!)