Colágeno hidrolisado em pó: vale a pena usar?

Manter as unhas e o cabelo saudáveis, retardar o envelhecimento facial e fortalecer os ossos para conseguir praticar exercícios cada vez melhor e com mais resultados. Sabia que é possível conquistar tudo isso por meio de uma só substância?

Apresentamos a você o colágeno hidrolisado em pó! O suplemento veio ganhando popularidade nos últimos anos, na medida que sua eficácia foi cada vez mais comprovada e seu uso sendo indicado com crescente frequência por médicos e nutricionistas.

Pensando nisso, criamos um conteúdo com:

  • o que é o colágeno;
  • quais são os benefícios do uso controlado dessa proteína em sua dieta;
  • para quem ele é indicado;
  • e quais levantamentos científicos existem a seu respeito.

Tenha uma ótima leitura!

O que é o colágeno?

Proteína de origem animal, o colágeno é responsável por dar sustentação às células do nosso corpo. Ele está muito presente em dois locais: na pele (compondo de 75 a 80% da estrutura do tecido) e nos ossos.

Nosso corpo produz a proteína de forma natural, porém, com o passar dos anos, essa produção será cada vez menos frequente.

O organismo perde colágeno principalmente a partir dos 30 anos de idade, e essa carência afeta as mulheres muito mais do que os homens. Isso acontece pois pessoas do sexo feminino já nascem com uma quantidade menor em relação às do sexo masculino. Na menopausa, por exemplo, as mulheres perdem aproximadamente 60% dos níveis de colágeno no organismo!

Estudos comprovam, inclusive, que mesmo com alimentação balanceada e hábitos saudáveis, aproximadamente 1% de colágeno será perdido pelo seu corpo todo ano, após os 30.

É possível melhorar os níveis de colágeno no organismo a partir da ingestão de alimentos de origem animal, principalmente a carne vermelha, o peixe e o frango.

E o colágeno hidrolisado?

Por mais que seja possível encontrar o colágeno nos alimentos, às vezes eles não são suficientes. A partir dos 30 anos, por exemplo, apenas a dieta já não é bastante. Daí vem a necessidade do colágeno hidrolisado, que, além de contribuir para um equilíbrio nos níveis da proteína no organismo, é responsável por outros benefícios, como o emagrecimento e redução da flacidez.

E, mesmo que você coma os alimentos indicados para um possível aumento nos índices de colágeno, não é assim que acontece. Como toda proteína, o colágeno é quebrado após a digestão e transformado em aminoácidos, que, por sua vez, possuem diversas outras funções como a produção de anticorpos e o fortalecimento dos músculos e dos tendões. Apenas uma parte será direcionada para pele, unhas e cabelo.

Ou seja: foi necessário encontrar uma forma de aumentar os níveis da substância no organismo, de forma saudável e não prejudicial ao corpo. Foi aí que surgiu a necessidade de usar o colágeno enquanto aliado nas dietas.

O colágeno hidrolisado é classificado como um suplemento alimentar. Ele auxilia na produção da substância no organismo e aumenta o seu índice no corpo, o que ajuda a melhorar a saúde da pele e fortalece as unhas e o cabelo, além de ajudar no tratamento de doenças.

A diferença desse tipo de consumo para o in natura é que o colágeno hidrolisado passa por um processo chamado hidrólise: quando as moléculas de proteína são quebradas e ficam menores. Assim, são absorvidas pelo organismo com maior facilidade, otimizando os resultados.

Você encontra o suplemento com facilidade no mercado, podendo apostar nas opções em pó. Elas são administradas a partir da dissolução da proteína na água ou em sucos.

O que a ciência diz sobre o uso de colágeno?

Estudos e pesquisas, que têm como base os efeitos do colágeno no corpo, confirmam a ação positiva da proteína.

Foi comprovado, por exemplo, num estudo realizado pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto, que um número de 60 mulheres com idade entre 40 e 60 anos apresentaram reações positivas na pele após realizarem tratamento com o colágeno.

Pesquisas afirmam e enfatizam a necessidade de combinar a proteína com a suplementação de vitaminas como a A, C e E, que comprovadamente conseguiu diminuir as rugas num nível ainda maior, além de retardar o envelhecimento da pele, aumentar a hidratação e diminuir os poros. Isso acontece, pois, para o colágeno ser sintetizado, ele necessita da ajuda desses nutrientes.

Quais são seus benefícios?

O colágeno hidrolisado possui diversos benefícios já comprovados por estudos de profissionais da área. Listamos os principais abaixo!

Fortalecimento dos ossos e cartilagens

Para você que pratica exercícios regularmente, o colágeno é uma ótima alternativa. Ele ajuda a fortalecer e proteger os ossos e cartilagens de possíveis lesões, dando maior força e otimizando os treinos.

Melhora no aspecto da pele

Ao realizar um tratamento com colágeno hidrolisado em pó, sua pele passará por uma série de transformações positivas.

A nossa cútis possui fibras de sustentação que vão sendo perdidas com o passar do tempo. Até mesmo a quantidade de sol que nós pegamos ajuda a quebrar essas fibras! O colágeno tem o poder de reverter esse processo, proporcionando, além de um aspecto mais jovial, maior força e resistência à nossa pele.

Emagrecimento

O colágeno é um ótimo aliado para quem está querendo perder alguns quilinhos na balança. Isso acontece porque, ao incluir a proteína enquanto suplementação da sua dieta, o estômago é preenchido de forma rápida e faz com que o processo de sentir fome novamente seja bem mais lento. Ou seja: você terá uma sensação de saciedade cada vez mais frequente, sentindo menos vontade de comer.

Ingerindo menos calorias e comendo quando seu corpo realmente precisa ser alimentado, será possível perder peso e consequentemente reduzir os riscos de flacidez.

Fortalecimento das unhas e do cabelo

Unindo o tratamento de colágeno com outras substâncias como minerais, cálcio, vitaminas e aminoácidos, suas unhas e cabelos passarão por uma transformação completa.

O colágeno sozinho não tem o poder de causar diferenças tão notáveis nesses aspectos, já que nas unhas, por exemplo, outro componente importante é a queratina. Não adianta ingerir colágeno de forma certinha, porém se esquecer dos outros nutrientes!

Além disso, o colágeno hidrolisado também tem a capacidade de tratar doenças ósseas. Quer saber como? Leia mais abaixo!

Qual o seu poder de tratar doenças?

Existe uma outra implicação do suplemento que vem sendo cada vez mais colocada em pauta: sua capacidade de auxiliar o tratamento e a prevenção de doenças ósseas, como a osteoporose e a osteoartrite.

Pesquisas estão sendo realizadas ao redor do mundo, inclusive no Brasil, e já estão num estágio capaz de definir o colágeno como um “nutracêutico seguro”, ou seja, uma substância que não é um remédio, mas que ainda é capaz de auxiliar no tratamento e na prevenção de doenças crônicas.

Eles afirmam que a função terapêutica do suplemento acontece em justificativa ao potencial aumento da densidade mineral óssea, que tem a capacidade de proteger a cartilagem articular, aliviando sintomas e quadros de dor daquele que possui a doença.

Novos estudos continuam surgindo e as pesquisas ainda não são consideradas como completamente definitivas, porém a suplementação do colágeno vem promovendo melhora significativa e cada vez mais comprovada.

Para quem ele é indicado?

Se você ainda está no início de seus 20 anos, não se preocupe! Seu corpo ainda produz quantidade suficiente de colágeno. Durante esse período da vida, hábitos saudáveis, caprichados em alimentos que estimulam a produção dessa proteína pelo organismo, são mais do que suficientes.

No entanto, é a partir dos 30 anos que as dosagens extras são recomendadas, pois é justamente aí que é necessário repor a quantidade de colágeno que está sendo perdida pelo organismo, além de ser justamente a faixa de idade no qual a possibilidade de desenvolver algum transtorno ósseo vai aparecendo.

Porém, caso você possua a intenção de perder peso ou pretende fortalecer os ossos para treinar melhor, já pode administrar normalmente o colágeno hidrolisado em pó na sua dieta, independente da sua idade. Segundo a OMS, essa proteína é totalmente absorvida pelo organismo, e não possui contraindicações!

A dose mais recomendada é de 5 a 10 gramas de colágeno por dia, porém os valores podem sofrer variações a partir do sexo, idade e intenções pessoais do indivíduo em questão.

Uma dieta balanceada que tenha como prioridade o equilíbrio entre as substâncias ingeridas, hidratação por meio de água e sucos, boa frequência de exercícios físicos e nada de exageros, consegue proporcionar resultados rápidos e melhorar muito a sua qualidade de vida!

Após ler sobre as diversas vantagens que envolvem a adoção do colágeno hidrolisado em pó na sua dieta e perceber o quanto ele pode alterar a sua qualidade de vida para melhor, quer ficar sabendo também de outras novidades a respeito de saúde e bem-estar? Curta a nossa página no Facebook e não perca nada!