Afinal o que é e quais são os reais benefícios do pilates?

As academias de pilates estão se tornando cada vez mais populares no Brasil. De acordo com um levantamento da fabricante de equipamentos MetaLife, estima-se que existam cerca de 45 mil estúdios dedicados a essa modalidade no país. Você sabe o que é pilates? 

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, essa não é uma atividade nova. Ela foi criada por volta de 1900, e nela os alunos trabalham seu condicionamento físico de forma global. Além disso, desenvolvem força, flexibilidade, boa postura, consciência e percepção do movimento. 

Neste artigo apresentamos o que é pilates e os benefícios que essa modalidade gera para a saúde. Além disso, mostramos como combinar essa técnica a outras atividades. Acompanhe!

Quando surgiu o pilates?

O pilates é um treinamento contra-resistência que tem como objetivo proporcionar a melhoria do condicionamento físico e do bem-estar do praticante. Sendo assim, esse exercício promove força, flexibilidade, equilíbrio, controle corporal, entre outros benefícios. 

Esse estilo de atividade foi criado em 1912 por Joseph Hubertus Pilates. Ele já havia estudado e praticado diversas modalidades, mas foi só quando ficou preso em um campo de batalha na Inglaterra, durante a I Guerra Mundial, que desenvolveu esse método. 

Durante seu período de reclusão, ele refinou suas ideias sobre saúde e condicionamento físico e encorajou outros internos a participarem do seu programa. Todos os exercícios eram realizados no solo. Anos mais tarde, quando foi transferido para a Ilha de Man, ele começou a experimentar novos exercícios com o apoio de molas. 

No entanto, os equipamentos conhecidos hoje pelos praticantes de pilates só foram desenvolvidos quando Joseph retornou para a Alemanha. Depois do seu tempo no campo de batalha, ele melhorou seus instrumentos e criou o Cadillac e o Universal Reformer — muito utilizados até hoje. 

Em 1926, Joseph se mudou para os Estados Unidos, onde conheceu sua futura esposa, Clara. Ela era enfermeira e o ajudou a sistematizar o método de pilates. Juntos eles fundaram um estúdio, que funciona até hoje. 

Contudo, o reconhecimento internacional do pilates só aconteceu na década de 1980, quando foi aberto um espaço de reabilitação de atletas e dançarinos no Centro de Medicina dos Esportes do Saint Francis Memorial Hospital, que utilizava principalmente o método de pilates. 

Quais são os benefícios do pilates?

O principal motivo do sucesso do pilates entre vários públicos é a sua quantidade de benefícios. Além disso, por fugir do tradicional ambiente da academia, muitas pessoas optam por essa modalidade. Outro ponto é que ele é uma ótima atividade física para grávidas

Os exercícios de pilates ativam e fortalecem os músculos do core, como abdômen, lombar, glúteos e oblíquos. O core é considerado o centro da gravidade do nosso corpo, pois é ele que suporta e estabiliza o tronco. Por isso, atividades físicas que foquem nessa região, como o pilates, são importantes para proporcionar firmeza e força para que ela funcione como um bom ponto de apoio para outros movimentos. 

O pilates é conhecido como uma atividade para o corpo inteiro. Durante o exercício é trabalhado todo o tronco e até mesmo a respiração e a mente — sendo essa a razão do pilates ser muito utilizado para reabilitação e por atletas, para dar base a outras modalidades como a musculação.

No pilates os músculos são tonificados, uma vez que ele trabalha a força do corpo. Ao longo do exercício é realizado um tipo de contração muscular chamado contração excêntrica — que é quando o músculo alonga enquanto está sob tensão em consequência da força externa ser maior do que a gerada por ele. 

Para as grávidas, o pilates é uma ótima atividade para prevenir dores e até mesmo facilitar o parto normal. Segundo a fisioterapeuta Fátima Fitz, do Hospital e Maternidade Santa Joana, em São Paulo, “o pilates ainda protege contra possíveis disfunções urinárias na gestação e no pós-parto”.

Outro benefício comprovado pelo estudo da Universidade Federal do Espírito Santo é que aulas de pilates são capazes de melhorar o equilíbrio de pessoas idosas — o que é muito importante para evitar quedas e fraturas, que são comuns nessa fase da vida. 

Outra pesquisa, dessa vez realizada pela Universidade Federal de São Paulo, indicou que o pilates ajuda a reduzir a pressão arterial, diminuindo o risco de AVC, infarto ou doença renal crônica.

Como são os exercícios e como eles trabalham o corpo?

O pilates pode ser praticado no solo ou em aparelhos, e ambas as modalidades oferecem benefícios ao corpo. Os exercícios realizados no solo têm um caráter mais educativo, no qual trabalham o aprendizado da respiração e do centro de força. Já os exercícios realizados com auxílio de equipamentos envolvem mais movimentação e são praticados de forma rítmica, controlada e associada à correção da postura e respiração. 

A diferença é que os exercícios desenvolvidos nos aparelhos têm uma intensidade maior fornecida por meio das molas. Segundo McMillan, essas são classificadas por cores: preta, vermelha, verde, azul e amarela, em ordem decrescente de intensidade. Elas dão mais resistências aos treinamento e servem como apoio durante o movimento. 

A seguir, listamos os principais aparelhos do pilates. Confira!

Reformer 

Foi o primeiro aparelho construído por Pilates. Ele é uma espécie de cama, composto por um carrinho deslizante e 5 molas, uma barra alta e uma baixa. Nesse equipamento são realizados exercícios de decúbito dorsal, ajoelhados, sentados e na posição vertical, o que permite que o corpo seja trabalho de maneira global. 

Chair

Esse aparelho tem o formato de uma cadeira com duas molas de intensidade. A função dele é trabalhar a resistência contra o corpo. Apesar de ser um equipamento bastante simples, ele oferece a possibilidade de praticar diversos exercícios. Entre os seus benefícios podemos citar a melhora da postura e o aumento da força do tecido muscular, além da melhora do humor e do aumento dos níveis de energia.

Cadillac

O cadillac conta com duas barras de ferro fixas a um colchão, uma barra de trapézio, 2 pares de alças de tornozelos e coxas. Ele é utilizado para a realização de exercícios aéreos. Seus benefícios são estabilidade, flexibilidade, aumento de força e resistência. 

Barrel

É um equipamento de degraus dispostos no formato de meia-lua fixa à frente. Ele permite a execução de exercícios em pé, deitado ou sentado. Sua principal função é isolar a musculatura que auxilia no controle da postura. Além disso, alivia o estresse e a tensão muscular.

Wall unit

Esse aparelho é de ferro fixo na parede e a um colchão. Nele, podem ser realizados diversos tipos de exercícios. No geral, ele é muito utilizado como um complemento do cadillac. Ele trabalha todo o corpo — incluindo regiões internas — e melhora a coordenação motora. Durante o exercício, são exigidos concentração e equilíbrio. 

Como combinar pilates a outras atividades?

Uma boa prática é conciliar o pilates a outras modalidades de exercício físico, como a musculação. O vício postural deixado pelos movimentos repetitivos é corrigido pelo pilates, que trabalha também a flexibilidade e a resistência — além de ser fundamental na previsão de lesões.

Essa modalidade também pode ser combinada à corrida, pois ela melhora a postura do corredor. Quando está andando, é preciso que o atleta tenha o tronco alinhado, a cabeça erguida e os braços se movimentando ao lado do corpo. O pilates aumenta a força e a resistência muscular para longas distâncias, melhora o alongamento e aumenta a capacidade pulmonar. 

Agora que você já sabe o que é pilates e que benefícios ele oferece ao seu corpo, tente combiná-lo a outras atividades físicas. Esse treinamento conjunto contribui para que os resultados sejam mais duradouros e para que o seu corpo tenha mais força e flexibilidade. 

Gostou de saber mais sobre o assunto? Então siga-nos no Facebook para ficar por dentro de outros posts como este!