Como estimular a perda de peso através de treinos e dietas? Entenda!

Na busca pelo emagrecimento, muito gente se aventura em dietas milagrosas, shakes seca-barriga ou até mesmo remédios. No entanto, essas alternativas podem trazer muitos riscos à saúde. É por isso que o melhor método para perda de peso é a combinação entre alimentação saudável e exercício físico.

A explicação é bastante simples: para emagrecer, o seu corpo precisa gastar mais calorias do que você consome, o que é possível com a prática regular de exercícios físicos e uma dieta balanceada. Além do mais, esse balanço energético negativo ainda promove uma melhora na saúde em geral.

Pensando nisso, criamos este artigo com dicas e informações valiosas sobre como estimular a perda de peso por meio de exercícios físicos e uma dieta de qualidade e saudável. Confira!

Qual a importância de manter o hábito de atividades físicas para perder peso?

A prática regular de atividades físicas é importante não apenas pela queima de calorias, mas também pela melhora na saúde de forma global. Afinal, se exercitar proporciona uma melhora no condicionamento físico, no funcionamento biológico e no humor, reduz o estresse e diminui o risco de doenças cardiovasculares. 

A endocrinologista e presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (Abeso), Maria Edna de Melo destaca, para o blog Saúde Brasil:

“Se existe uma pílula mágica para a saúde, ela se chama atividade física. Mas como ela não vem em pílula, deve ser buscada dia após dia, deve ser feita com regularidade”. 

Para pessoas com sobrepeso, os benefícios são ainda melhores, uma vez que a queima de calorias promove a perda de peso saudável. Dessa forma, a recomendação é praticar atividades aeróbicas e resistidas, como bicicleta, corrida, natação ou zumba, associada a outros exercícios de musculação ou treino funcional.

Além de estimular o emagrecimento, praticar exercícios físicos ajuda a fortalecer a musculatura, melhora a autoestima, aumenta a flexibilidade e promove o bem-estar. É importante ter em mente que existem diversas atividades divertidas e prazerosas, então uma dica é experimentar opções diferentes até encontrar uma que se adéque às suas necessidades e gostos.

Como estimular a perda de peso através de treinos e dietas?

Para quem deseja perder peso e quer dar o primeiro passo é preciso procurar ajuda de profissionais que orientem em relação ao treino e à dieta mais adequada. Por meio desse acompanhamento, será possível potencializar e acelerar a queima calórica.

Como explicado anteriormente, para que haja uma perda de peso, o seu gasto energético precisa ser maior que a quantidade de calorias que você consome. Nesse sentido, qualquer estímulo, seja com pesos externos ou com o próprio peso corporal, aumentam o gasto energético. Além disso, quanto mais desenvolvida a massa muscular, mais gordura será queimada. Portanto, treinar é fundamental para o emagrecimento. 

Os exercícios mais indicados para quem deseja perder peso são os chamados biarticulares, ou seja, atividades que trabalham duas articulações ao mesmo tempo. São eles: agachamento, leg press, afundo, avanço, puxada nas costas e supino. 

Treinos de alta intensidade, como HIIT e tabata, também entram na lista de exercícios para perda de peso, afinal eles promovem maior queima calórica. Como são intervalados de alta intensidade, o seu corpo sempre vai ao limite em vez de se acostumar com o movimento, como pode acontecer na musculação. 

Qual a diferença entre os tipos de massa ganhada ou perdida?

Quando o assunto é emagrecimento, não se pode considerar apenas o seu peso, pois não é possível saber se o valor que aparece na balança é de massa magra ou de massa gorda. Por exemplo, não é raro ver pessoas que têm o mesmo peso, mas que apresentam corpos completamente diferentes. 

Por isso é muito importante entender quais são as diferenças entre massa magra e massa gorda, além de fazer o exame de bioimpedância. A seguir explicamos o que é cada uma delas.

Massa gorda

Massa gorda é a famosa gordura. Um percentual muito alto de gordura pode provocar alguns problemas de saúde, como diabetes, colesterol alto, aumento da pressão arterial e problemas cardíacos. Dessa forma, para evitar o acúmulo de gordura, o ideal é combinar a prática de atividades físicas com uma dieta equilibrada. 

Segundo a tabela proposta por Pollock e Wilmore, o valor considerado bom de porcentagem saudável de gordura, pode variar entre 8% a 20% para homens e 17% e 24% para mulheres.

Massa magra

Massa magra é tudo aquilo que não é água e nem gordura. Ou seja, são músculos, órgãos e ossos. Quanto maior for a porcentagem de massa magra no corpo, maior será o gasto calórico. Assim, para quem deseja emagrecer, aumentar a massa magra pode diminuir a massa gorda. 

Para ganhar massa magra é preciso aumentar o consumo de proteínas: a recomendação é de 0,8 gramas desse nutriente por quilo de peso corporal. Também é recomendado praticar exercícios de força e tomar suplementos caso seja necessário. 

Quais suplementos podem contribuir para a perda de peso?

Além do equilíbrio entre dieta e exercícios físicos, outro ponto é importante é a suplementação. Existem diversas opções no mercado, e a seguir apresentamos as melhores delas.

Whey Protein

O whey protein é uma proteína do soro do leite e de rápida absorção. Existem três opções: concentrado, isolado e hidrolisado. No geral, para quem busca a perda de peso, o melhor é o isolado, pois é mais puro e livre de gorduras e carboidratos. Esse suplemento pode ser consumido tanto como lanche, combinado com batata-doce ou aveia, ou como pós-treino, misturado com frutas. 

BCAA

O BCAA é um composto de aminoácidos, como leucina, isoleucina e valina. Ele é metabolizado nos músculos e não no fígado e, por isso, é um importante aliado para fornecer energia em treinos longos. Ele pode ser consumido 30 minutos antes do exercício ou ao final. 

Glutamina 

A glutamina é o aminoácido com maior abundância no organismo; entretanto, a sua suplementação poupa o tecido muscular. Além disso, ele ajuda a recriar as vilosidades intestinais, aumentando a superfície de contato dos nutrientes com a parede intestinal, o que melhora a absorção e aumenta a imunidade. 

Para perda de peso é essencial ter paciência e resiliência, pois os quilos não vão sumir do dia para noite. É preciso manter uma prática regular de atividades físicas combinada com uma alimentação equilibrada, e, se necessário, também é possível acrescentar o uso de suplementos. Mas não se esqueça: tudo isso deve ser realizado com a ajuda de um profissional para que o seu emagrecimento seja saudável e duradouro. 

E aí, você gostou do nosso artigo sobre perda de peso? Achou as nossas dicas valiosas? Então compartilhe este texto nas suas redes sociais e ajude os seus amigos a entenderem mais sobre esse assunto!