Creatina com Beta Alanina: elas podem ser tomadas juntas?

Growth 21/08/2023

A beta alanina e a creatina são dois suplementos muito populares no mundo do fitness. Isso não poderia ser diferente, afinal ambas oferecem inúmeros benefícios para o desempenho físico. Por isso, é comum surgir a dúvida: é possível consumir creatina com beta alanina?

Acompanhe o texto a seguir para compreender os benefícios individuais de cada uma, as possíveis interações e como utilizá-las de forma segura e eficaz para otimizar seus resultados no treinamento físico.

Sumário

Quais são os efeitos da Creatina?

A creatina é um dos suplementos mais estudados e amplamente utilizados no meio esportivo. Ela está associada a um aumento na produção de energia nos músculos, o que pode resultar em um aumento da força e do desempenho durante os treinos e exercícios de alta intensidade.

Além disso, a suplementação de creatina pode beneficiar atividades anaeróbicas, como sprints e exercícios de alta intensidade, que dependem do sistema energético ATP-CP (adenosina trifosfato – creatina fosfato). Assim, a creatina auxilia na ressíntese do ATP, permitindo que você execute esforços máximos de curta duração com mais eficiência.

Além de seus benefícios para o desempenho físico, a creatina também tem sido estudada por seu potencial impacto na saúde cerebral. Alguns estudos sugerem que a suplementação de creatina pode melhorar a função cognitiva, a memória e o processamento mental.

Quais são os efeitos da Beta Alanina?

A beta alanina também é amplamente utilizada devido aos seus efeitos relacionados à melhoria do desempenho físico. Dentre os principais efeitos atribuídos à suplementação desse aminoácido, destaca-se a atuação como um “precursor” da carnosina, um composto encontrado nos músculos que atua como um tampão de ácido lático.

A suplementação de beta alanina aumenta os níveis de carnosina nos músculos, retardando a fadiga muscular durante exercícios intensos e prolongando o tempo até a exaustão. Ela também pode melhorar a resistência muscular, permitindo que você treine por períodos mais longos antes de sentir fadiga. 

Além disso, a beta alanina também pode contribuir para uma recuperação muscular mais rápida após o exercício intenso, resultando em uma redução do tempo de recuperação entre os treinos. 

Creatina e Beta Alanina Podem ser combinadas em uma suplementação? Como tomar juntas?

Sim, a creatina e a beta alanina podem ser combinadas em uma suplementação, e essa combinação pode ser benéfica para indivíduos que desejam melhorar o desempenho físico e os ganhos musculares. Ambos os suplementos têm mecanismos de ação distintos e podem oferecer benefícios complementares.

Ao combinar a creatina e a beta alanina em sua suplementação, é importante considerar aspectos como a dosagem, o momento de ingestão e a compatibilidade gastrintestinal. As dosagens recomendadas variam, mas geralmente a creatina é consumida em torno de 3 a 5 gramas por dia, enquanto a beta alanina é consumida em torno de 2 a 5 gramas por dia.

Já sobre o momento de ingestão, não há uma regra específica, uma vez que ambos os suplementos são cumulativos. Ou seja, eles fazem efeito no longo prazo. Por fim, se você tiver sensibilidade ou desconforto, pode optar por tomar os suplementos em momentos separados durante o dia.

Referências:

BODYNATION. Beta alanina pode ser combinado com creatina?. Acesso em: 06/07/2023. 

HIPERTROFIA.ORG. Aumente o Anabolismo Ciclando Creatina com Beta-Alanina. Acesso em: 06/07/2023. 

GUALANO, Bruno; ACQUESTA, Fernanda Michelone. Efeitos da Suplementação de Creatina Sobre Força e Hipertrofia Muscular: Atualizações. Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte, 2010. Acesso em: 06/07/2023.

Isto foi útil?

Obrigado pelo seu feedback!
Visitado 717 vezes, 13 visita(s) hoje.
Growth

Growth

Nutricionista

Texto produzido pela equipe da Growth Supplements com supervisão do nutricionista Diogo Círico (CRN 10 – 2067).