Saiba se o arroz engorda ou emagrece

Diogo Círico 09/05/2024

Mesmo não sendo de origem brasileira, não dá para negar o sucesso do arroz nos pratos e na culinária do país, não é? Vindo do sudeste da Ásia, o cereal se tornou muito popular por seu sabor e combinação com as mais variadas comidas do Brasil, como o clássico arroz com feijão.

Por ser um carboidrato, o arroz pode causar algumas dúvidas em quem está em processo de emagrecimento. Mas será que ele é realmente o vilão das dietas e da perda de peso?

Confira a resposta neste artigo e conheça um pouco mais sobre esse alimento quase indispensável no cardápio.

Sumário

Calorias de uma porção de arroz

Sendo um dos cereais mais consumidos do planeta, o arroz tem uma grande importância na alimentação do brasileiro. Além de ser uma fonte de energia e fornecer proteínas, vitaminas e minerais, ele se destaca também pelo baixo teor de lipídeos.

Mas quem está em uma dieta de emagrecimento ou de baixo teor calórico deve se preocupar com a quantidade de calorias de uma porção de arroz? Em primeiro lugar, é preciso entender como as calorias funcionam, antes de se assustar com o nome e tentar colocá-las de escanteio a todo custo.

As calorias agem como um combustível para o corpo, dando a energia necessária para o organismo e o metabolismo funcionarem, assim como para realizar as atividades físicas e diárias.

Por isso, as pessoas precisam ingerir um certo volume de calorias diariamente. Porém, quando esse número diário excede a quantidade de calorias gastas, o resultado pode ser o excesso de peso.

Mas, então, quantas calorias tem uma porção de arroz? Bem, uma porção de 100 g, equivalente a cinco colheres de sopa de arroz branco, corresponde a, em média, 128 kcal. Já o integral tem 123 kcal para a mesma porção.

Afinal, o arroz engorda ou emagrece?

Nenhuma comida isoladamente tem o poder de fazer alguém engordar ou emagrecer. Por exemplo, se você tem uma rotina de alimentação equilibrada, aliada a exercícios físicos, comer um hambúrguer com batatas fritas vez ou outra não vai atrapalhar o seu processo.

Da mesma maneira que comer uma salada de vez em quando, sem ter uma reeducação alimentar e um equilíbrio saudável na hora de realizar as refeições, também não fará uma diferença grande no seu processo de emagrecimento.

É claro que as calorias que você consome têm um impacto direto no seu peso, mas isso é relativo e, na verdade, depende muito mais da frequência alimentar de determinados alimentos, exageros que possam vir a ocorrer, e principalmente, da qualidade nutricional do alimento.

O ideal é optar por alimentos saudáveis, com alto valor nutricional e que oferecem mais benefícios para o seu organismo, em vez de produtos com pouco valor nutricional, como os fast-foods.

Dessa forma, não existe uma resposta se o consumo de arroz engorda ou não. Assim como qualquer alimento, ele pode contribuir para o ganho de peso como também para a perda de peso, mas dependendo do quanto você come por dia, de quais são os acompanhamentos e até mesmo do seu preparo.

Inclusive, algumas pesquisas indicam que os povos que consomem mais arroz, como os japoneses, são mais saudáveis em comparação aos que não têm esse alimento como pilar em sua rotina alimentar.

Desse modo, é possível manter esse acompanhamento tão querido em suas refeições, desde que haja um equilíbrio e ele seja consumido de maneira saudável. Por isso, fique tranquilo: quem faz dieta pode comer arroz!

Como inserir o arroz na dieta?

Comendo com moderação, sem exageros e equilibrando com outros itens saudáveis e ricos em vitaminas, minerais e proteínas, é possível — e indicado — incluir o alimento no processo de perda de peso. Mas como inserir o arroz na dieta?

Considerando suas propriedades, seus benefícios e grande quantidade de vitaminas B e E, o cereal é uma ótima opção para o almoço, por exemplo, desde que fazendo as combinações certas.

Para incluir o arroz na dieta sem culpa, o primeiro passo é prestar atenção em como ele será preparado. Além de ser um alimento rico em carboidratos, a sua forma de preparo pode influenciar no aumento de peso, como o uso exagerado de manteiga e óleo.

Em relação à quantidade a ser consumida na dieta, geralmente o indicado pelos profissionais é cerca de quatro a seis colheres de sopa por refeição, mas essa decisão pode variar de acordo com o estilo de vida da pessoa.

Arroz branco ou arroz integral: qual é o melhor para a dieta?

Agora que você já sabe que, dependendo da quantidade e do modo de preparo, é possível consumir arroz em uma rotina alimentar equilibrada, qual é a melhor opção: arroz branco ou arroz integral?

Mesmo sendo conhecido por ser mais saudável e nutritivo, muitos ainda se perguntam: o arroz integral engorda?

Além de apresentar menos calorias do que o arroz branco, ele também conta com outras vantagens, como a presença maior de fibras, que auxiliam no bom funcionamento do intestino, aumentam a sensação de saciedade e fazem com que a absorção de açúcar no sangue diminua.

Ademais, o arroz integral também apresenta um teor mais alto de vitaminas do complexo B, relacionadas ao sistema nervoso e muscular, estimulando e acelerando o metabolismo.

Isso não quer dizer que o arroz branco engorda ou deve ser evitado completamente, mas o ideal é dar preferência ao integral, que além de ter mais nutrientes, tem um teor calórico mais baixo e pode auxiliar ainda mais no processo de emagrecimento.

Gostou do conteúdo? Então, continue navegando pelo nosso blog para ficar por dentro de outras dicas para ter mais saúde e qualidade de vida.

Referências:

Harvard TH Chan. Além da força de vontade: a qualidade e a quantidade da dieta são importantes. Disponível em: https://www.hsph.harvard.edu/obesity-prevention-source/obesity-causes/diet-and-weight/#carbohydrate-and-weight-control. Acesso em: 27 nov. 2022. 

Mundo boa forma. O arroz engorda? Disponível em: https://www.mundoboaforma.com.br/o-arroz-engorda/. Acesso em: 27 nov. 2022. 

Brasil Escola. Qual a diferença entre o arroz branco e o integral? Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/saude/qual-diferenca-entre-arroz-branco-integral.htm Acesso em: 27nov. 2022. 

Tabela Nutricional. Disponível em: https://www.tabelanutricional.com.br/arroz-tipo-1-cozido. Acesso em: 12 dez. 2022.

Isto foi útil?

Obrigado pelo seu feedback!
Visitado 271 vezes, 1 visita(s) hoje.
Diogo Círico

Diogo Círico

Nutricionista

Graduado em nutrição em 2007 pela Faculdade Assis Gurgacz, pós-graduação em Nutrição e Atividade Física - 2012, pós-graduação em Nutrição Funcional Esportiva - 2017, desde o inicio buscou destinar suas atividades à nutrição esportiva e também a área de tecnologia de alimentos. À frente das ações técnicas da industria Growth Supplements desde sua criação, já somam-se mais de 10 anos de dedicação, trabalho e pesquisas laboratoriais no desenvolvimento de novos produtos. Hoje suas ações como nutricionista dividem-se entre assessoraria de alguns atletas patrocinados pela Growth Supplements, redação de material técnico cientifico como estes disponíveis no blog GSuplementos e também na liderança da equipe de técnica Growth Supplements . Diogo Cirico; Nutricionista esportivo CRN 10 - 2067