Energia durante o treino

Suplementos para dar energia antes do treino

A energia que nosso organismo necessita para desempenho das atividades físicas pode ser encontrada nos nutrientes carboidratos, gorduras e proteínas, estes nutrientes estão presentes numa vasta gama de alimentos, porém a rotina que levamos hoje traz vários empecilhos para o consumo de nutrientes através dos alimentos sólidos, além disso, existem alguns casos a exemplo daqueles onde a atividade física acontece logo após o individuo acordar e não há tempo hábil para digestão dos alimentos sólidos antes da atividade física.

Quando existe impossibilidade de consumir alimentos sólidos ou quando não há tempo de digerir tais alimentos fica sugerido o consumo de suplementos para fornecer energia e viabilizar as sessões de treino. Nosso organismo precisa dos carboidratos e proteínas como fonte de energia antes dos treinos. Hoje existe uma grande lista de opções em suplementos que oferecem estes nutrientes, com ajuda do profissional nutricionista o consumidor deve optar por aqueles que atenderão sua demanda.

Como fonte de carboidratos há oferta de:

Maltodextrina: trata-se de um carboidrato complexo, com alto índice glicêmico e de rápida digestão, sua melhor aplicação é nas refeições pré e pós-treino. Devido a sua rápida metabolização, deve ser usada cerca de 60m antes do treino.

Dextrose: Este carboidrato é a forma mais parecida com a glicose a forma mais simples de carboidrato, forma usada pelas células para geração de energia. Carboidrato simples, muito rápida digestão, alto índice glicêmico. Devido a suas características sua melhor aplicação é para durante o treino e pós-treino.

Waxy Maize: Esta fonte de carboidratos possui digestão lenta, baixo índice glicêmico e por isso pode ser usada em qualquer refeição (exceto a refeição pós-treino).

Batata doce em pó: Trata-se de do famoso alimento beneficiado e transformado em pó. Este suplemento mantém quase todos os nutrientes presentes no alimento além da qualidade dos seus carboidratos. Suplemento de carboidrato complexo, sua aplicação pode ser realizada em qualquer refeição ao longo do dia devido a sua lenta metabolização. A única refeição que não seria bem vindo seria a refeição pós-treino.

Como fonte de proteínas há oferta de:

Whey Protein Concentrado/Isolado/Hidrolisado: Todos os formatos de whey possuem proteínas de alto valor biológico e grande concentração de aminoácidos essenciais. Esta fonte de proteínas possui digestão rápida e por este motivo são indicadas para a refeição que sucede o treino. A diferença básica entre as três formas de whey esta na composição molecular das proteínas do soro do leite. O produto concentrado atende a todas as pessoas saudáveis, já o isolado pode ser usado por quem possui grande experiência com treinos e em alguns casos em individuos intolerantes a lactose. O hidrolisado é indicado para quem possui alguma complicação gástrica como pós cirurgia bariátrica ou alergia as proteínas do leite.

Albumina: Devido ao seu alto valor biológico esta fonte é bem indicada para todas as pessoas, exceto aquelas que possuem alergia ao ovo. Possui digestão lenta e por isso pode ser consumida em qualquer refeição ao longo do dia com exceção da refeição pós-treino.

Proteína isolada da Carne: Proteína de elevado valor biológico com grande quantidade de aminoácidos essenciais. Sua digestão é de média velocidade, algo em torno de 2 a 3hr por este motivo deve ser consumida ao longo do dia quando não for possível consumir uma fonte de proteínas solida.

Proteína Isolada de Ervilha/Isolada de Arroz/Isolada de Soja: todas estas fontes de proteína são de média velocidade de digestão, são consideradas de alto valor biológico e podem ser usadas em qualquer refeição, quando forem usadas na refeição pós treino a sugestão seria complementar com leucina ou BCAA.

Caseína: trata-se da fonte de proteínas de mais lenta digestão, podem ser necessárias até 6 horas para completa digestão das proteínas e aminoácidos.