Musculação

Benefícios do BCAA na musculação

Suplementos não são assim tão baratos, e nós sabemos da importância deles na sua dieta. Em muitos casos, fica até difícil selecionar qual suplemento escolher na hora de comprar. A lista não é pequena e, em muitos casos, os nomes também não são fáceis. L-glutamina, Whey Protein, Waxy Maize, Leucina e Albumina são alguns desses exemplos. Entretanto, muita clareza é necessária ao planejar sua saúde e seu treino. Afinal, você pode comprometer tanto seus resultados quanto seu bem-estar (e dinheiro) com algum erro. No caso do BCAA, as dúvidas podem ficar de fora. Esse suplemento é um dos mais recomendados e a lista de benefícios do BCAA na musculação com certeza vai conquistar você. Se você já está considerando a compra ou resolveu saber mais sobre ele, aqui é o lugar certo.

O que é BCAA?

A sigla BCAA vem do inglês, Branched Chain Amino Acids. Calma, não há motivos para preocupação com essa sigla enorme e nomes complicados em outra língua. Trata-se de um composto que reúne três tipos de aminoácidos. Esses nutrientes são importantes especialmente na síntese de proteínas, tendo um enorme impacto na hora de conseguir a massa magra que tanto buscamos na academia. Na composição do BCAA há Leucina, Isoleucina e Valina.

BCAA benefícios e efeitos

Bom, agora que você já sabe a composição desse suplemento, é hora de entender melhor o que ele traz de bom para o nosso corpo e para que serve BCAA na musculação. A Leucina é o principal aminoácido do BCAA relacionado com a síntese de proteínas. Ou seja, ela auxilia no processo de absorção das proteínas e formação dos músculos. É por isso que ela é a mais valorizada em termos de proporção e, na Growth Supplements, há uma divisão de 2 partes de Leucina para 1 de Valina e 1 de Isoleucina. Esses dois últimos aminoácidos estão envolvidos com o fortalecimento do sistema imunológico. Ou seja, ao consumir esse suplemento você garante tanto a melhora na imunidade quanto resultados surpreendentes nos treinos.

Perda de massa magra

Outro benefício do BCAA na sua dieta é que ele evita perda de massa magra, o famoso catabolismo, um processo que resulta na transformação de músculos em fonte de energia para o corpo. É como se nosso corpo usasse os músculos como combustível e acabasse fazendo com que os resultados do nosso treino fossem por água abaixo. Tudo isso pode ser contornado com o auxílio desse suplemento.

Quanto tomar?

A indicação geral é inserir o BCAA tanto no pré-treino quanto no pós-treino. Por isso, a quantidade deve ser dividida nesses dois momentos. O indicado pela marca para quem está focado nos treinos é de aproximadamente 0,1g para cada kg de peso livre de gordura. Esse cálculo é feito retirando a porcentagem de gordura do peso apresentado pela balança. Tudo isso com o auxílio de um nutricionista, que indicará tanto essa medida quanto a quantidade de BCAA que trará mais impacto para a sua rotina. Essas indicações levam em conta fatores como o treino, elementos da rotina, composição corporal e a alimentação. Vale lembrar que os aminoácidos do BCAA são essenciais, ou seja, nosso corpo não consegue produzi-los por conta própria. Cabe à alimentação ou à suplementação garantir uma boa quantidade para impactar no nosso dia a dia.