alimentos que impulsionam o ganho de massa muscular

4 alimentos que impulsionam o ganho de massa muscular

Muitas pessoas investem pesado na academia para ganhar massa muscular, mas se esquecem de outros fatores que contribuem de forma significativa para o alcance desse objetivo, como é o caso da alimentação. Uma dieta saudável e equilibrada, composta por diferentes grupos alimentares, ajuda a melhorar o desempenho nos treinos, fornece mais energia ao corpo para a execução de atividades diárias e auxilia na recuperação muscular durante as horas de descanso.

 

A hidratação também deve entrar no plano alimentar, pois o consumo de água ao longo do dia é essencial para a manutenção das funções básicas do organismo e a regulação da temperatura corporal. Dentro de uma dieta diversificada, existem alimentos que podem ser consumidos em maiores quantidades dependendo das metas e do tipo de treino. Quem quer ficar com o corpo mais definido precisa conhecer as funções e os benefícios dos quatro alimentos para ganhar massa muscular listados abaixo:

 

Ovo

Por muito tempo a gema do ovo não recebeu o seu devido valor, sendo descartada pelos frequentadores das academias, que viam apenas na clara uma boa fonte de nutrientes. Porém, diversas pesquisas mostram que a parte amarela desse alimento também deve entrar no cardápio para ganhar massa muscular, pois ela contém substâncias como o ômega 3 e a vitamina B12, que contribuem para a regulação da pressão arterial, a recuperação dos músculos e o combate a processos inflamatórios causados durante os exercícios. Por isso, o ovo deve ser consumido por inteiro, já que a clara do ovo é rica em albumina, uma proteína de alto valor biológico fundamental para o bom funcionamento do nosso corpo.

 

Cereais integrais

Fontes de fibras, vitaminas e minerais, os cereais integrais são grandes aliados em uma dieta voltada para o aumento dos músculos. Esses carboidratos podem ser consumidos em diversos períodos do dia, pois fornecem energia aos poucos para o organismo e garantem saciedade. Pães e massas feitos com cereais integrais são ótimas opções de pratos principais para as grandes refeições, como almoço e jantar; enquanto a aveia pode ser usada em receitas que incluem algum suplemento proteico, como o whey protein, para o pré ou pós-treino.

Peixes

Salmão, sardinha e atum são fontes de proteína de alta qualidade e ômega 3, nutrientes que devem estar presentes na dieta de quem malha. A inclusão de peixes nas refeições deve ser feita de duas a três vezes por semana, pois esse tipo de alimento tem ação antioxidante e anti-inflamatória, ajuda a controlar a pressão arterial, combate as doenças autoimunes e neurológicas, e facilita a recuperação do tecido muscular. Os peixes frescos são os mais nutritivos, mas o consumo dos enlatados também é liberado, pois eles mantêm suas propriedades.

 

Frango

A lista de alimentos para ganhar massa muscular não estaria completa sem o frango. Essa proteína faz parte do plano alimentar da maioria dos atletas, mas muitos desconhecem os seus benefícios. A carne do frango é considerada magra por seu baixo teor de gordura – e por isso ela é tão indicada pelos nutricionistas para quem quer perder peso ou ficar sarado. Além de ajudar na síntese de proteínas, esse alimento fornece aminoácidos para a recuperação e o crescimento dos músculos. Mas mesmo sendo muito saudável, o famoso frango com batata doce não deve ser consumido em todas as refeições do dia: é possível variar o cardápio e incluir outros alimentos nutritivos na dieta.